Desmontando mistérios inexistentes: as estruturas alienígenas em Marte – Parte 2

0

 

Os marcianos estiveram no planeta Terra?

As dunas do tipo barcana não são exclusividade do planeta Marte. Elas também existem no planeta Terra. Um exemplo é o encontrado na África, no deserto do Saara, em Chad. Podemos dimensionar o tamanho da duna quando comparado a algumas pessoas que estão em cima dela:

duna-barcana-chad-saara

Outro exemplo dessas dunas aqui na Terra pode ser encontrado na região de La Joya, Arequipa, Peru, conforme a imagem abaixo:

duna-barcana-na-terra

Um close-up nessas dunas mostra semelhante formato daquelas fotografadas em Marte, de crescente:

duna-barcana-na-terra-closeup

Mais um exemplo de um campo de dunas barcanas pode ser visto na Etiópia:

Dry sea-bed, Ethiopia

Simulando a dinâmica de formação das dunas barcanas marcianas

Nos infográficos abaixo podemos ver um dos modelos que apresenta a direção do vento para formação das dunas barcanas terrestres. O vento modela a areia e gera o formato que é visto nelas:

duna-barcana-direcao-vento

desenho-duna-barcana

Entretanto, como o ambiente de Marte é diferente do ambiente da Terra, esta é uma apresentação muito simplificada e elementar da dinâmica eólica de formação das dunas. Cientistas planetários desenvolveram modelos computacionais para estudar e replicar a formação de diferentes morfologias de dunas, tanto aqui na Terra como em Marte. [1]

No artigo “Minimal size of a barchan dune” (tamanho mínimo de uma duna barcana) escrito pelos físicos especialistas em dunas marcianas e terrestres Eric Parteli, Orencio Durán e Hans Herrmann, publicado em janeiro de 2007 no periódico Physical Review E, há variados cálculos para desenvolver um modelo computacional da formação de dunas barcanas em Marte. [2]

Na ilustração abaixo podemos ver que diferentes valores computados da velocidade da fricção do vento e o fluxo de areia entre um campo de dunas vai formar diferentes formatos de dunas em Marte:

artigo-modelagem-duna-barcana

Em outro artigo, “Dune formation under bimodal winds” (formação de dunas sob ventos bimodais), escrito pelos mesmos físicos e publicado em outubro de 2009 no Proceedings of the National Academy of Sciences, apresentam modelos computacionais para replicar a formação de dunas em Marte. [3] Um dos modelos criados são justamente as dunas barcanas vistas no início deste artigo, fotografada pela Mars Global Surveyor em 2003.

Elas estão representadas na figura abaixo pela letra A. Todas as dunas que aparecem nas letras A, B, C e D são reais e foram fotografadas em Marte. Abaixo das fotos é mostrado o modelo computacional criado pelos físicos para entender como essas diferentes morfologias de dunas são formadas no Planeta Vermelho:

artigo-modelagem-duna-barcana2

Fala o físico especialista em dunas marcianas

Eu contatei o físico Dr. Eric Parteli, especialista em dunas. Ele é doutor em física pela Universidade de Stuttgart, na Alemanha, obtendo seu doutorado com uma tese sobre dunas marcianas e terrestres (Sand dunes on Mars and on Earth, 2001). [4] Junto a outros cientistas, ele tem trabalhado com modelos computacionais para replicar a formação de dunas marcianas e terrestres de variadas morfologias.

Eu enviei a ele a fotografia da sonda Mars Global Surveyor, obtida em 2003, que mostra as dunas próximas ao polo norte do planeta Marte – vista inicialmente aqui neste artigo. Mencionei que estava escrevendo sobre conspiracionistas que dizem serem as dunas de areia construções artificiais feitas por inteligências marcianas, e lhe questionei sobre o que ainda falta descobrir sobre dunas em Marte. Ele gentilmente me respondeu:

Dr. Eric Parteli, físico especialista em dunas marcianas
Dr. Eric Parteli, físico especialista em dunas marcianas

“Muito obrigado pelo seu e-mail sobre as engraçadas teorias da conspiração! Realmente os objetos na foto em anexo são dunas, e estas eu estudei em artigos recentes. Naqueles trabalhos [ver artigos em referências para os diferentes tipos de dunas] é mostrado que a forma arredondada da duna em questão (ela tem uma forma tipo biscoito-da-sorte) é devido a um vento bimodal, que sopra de duas direções formando um angulo de aproximadamente 40 graus.

As barcanas de Marte ficam menos arredondadas (e mais alongadas) quando o ângulo diminui. Por exemplo, as barcanas do artigo ‘Minimal size of a barchan dune’ conseguimos simular com um ângulo de zero graus e assim elas são bem menos arredondadas que as da sua foto.

Tem muita coisa sobre dunas de Marte que não estão claras. Por exemplo, não se sabe quão rápido elas se movem, e também em que época as dunas em uma determinada região de Marte se formaram ou adquiriram a atual forma.

Também existem evidências de que algumas dunas em Marte estão endurecidas e portanto não se movem de jeito nenhum, enquanto recentes trabalhos conseguiram detectar movimentos de dunas em curto espaço de tempo a taxas de migração parecidas com as das dunas terrestres. 

Portanto, as dunas de Marte oferecem ainda um rico material de pesquisa para os cientistas planetários. Em especial, conhecendo-se os fatores que levaram à formação das dunas (idade, regimes de vento, tipos e tamanho de sedimentos), podem-se obter indiretamente informações relevantes sobre a história de Marte, a geologia deste planeta e em particular como se comportam os ventos marcianos.

Estrutura artificial disfarçada de duna

Conspiracionistas acusam diversos cientistas de patranheiros por acobertar a real natureza da fotografia que inicia este artigo. A verdade é que esses conspiracionistas que circulam por aí, como Marco Antonio Petit, não sabem nem o que é uma duna de areia, e querem ensinar Ciências Planetárias a cientistas que dedicam suas vidas e suas carreiras ao descobrimento do cosmos. De fato, ao que parece, ele ainda não descobriu que essa foto retrata banais dunas de areia, pois a vende e a divulga até hoje. Desavisados compram.

marco-antonio-petit-dunas-de-areia-jo-soares
Marco Antonio Petit tenta convencer Jô Soares sobre a sua descoberta de “estruturas” artificiais em Marte. Elas são apenas banais dunas de areia

Alguns conspiracionistas continuarão a acreditar que as dunas barcanas são uma estrutura construída artificialmente por marcianos e que cientistas estão seguindo uma leviana campanha de ocultação da verdade. Eles dizem que, na verdade, esses “objetos” são uma estrutura artificial disfarçada de duna.

É assim que a indústria da conspiração regurgita e se alimenta. Marte já tem mistérios reais para serem ainda resolvidos. Não precisamos que pessoas sem nenhum compromisso com a pesquisa séria inventem mistérios que não existem.

Referências

[1] PARTELI, E. J. R.; HERRMANN, H. J. Dune formation on the present Mars. Physical Review E, v. 76, n. 4, Oct. 2007.

[2] PARTELI, E. J. R.; DURÁN, O.; HERRMANN, H. J. Minimal size of a barchan dune. Physical Review E, v. 75, n. 1, Jan. 2007.

[3] PARTELI, E. J. R.; DURÁN, O.; TSOAR, H.; SCHWÄMMLE, V.; HERRMANN, H. J. Dune formation under bimodal winds. Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America, v. 106, n. 52, p. 22085-22089, Dec. 2009.

[4] PARTELI, E. J. R. Sand dunes on Mars and on Earth. 171 f. Tese de doutorado, Universität Stuttgart, Stuttgart, 2001.

FIM

Voltar à parte 1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here